terça-feira, 22 de novembro de 2011

Não tens emenda.

"- Apetecia-me beijá-la.
Rochela ficou calada, mas afastou-se um pouco.
- Já estragou tudo - disse ela. - É como todos os homens.
...
Rochela sentia uma vontade imensa de que Ana a beijasse, mas primeiro tinha que ensiná-lo. Não se pode deixá-los à vontade."

O Outono em Pequim. Boris Vian, pp. 75.
( a mesma página que eu acabei de descolar da capa do livro antigo que com tanto carinho me ofereceram...)

1 comentário:

  1. eu tenho esse livro. nunca li uma história tão estranha e tão gira. =)

    ResponderEliminar